×
Siga nós

Ano novo, empresa nova: Fique por dentro sobre os novos procedimentos para abrir uma empresa no Brasil

20 janeiro, 2022

Abrir uma empresa no Brasil é algo que demanda atenção e paciência, por envolver diversas etapas, mas tem se tornado mais simples nos últimos anos. Confira!

Se uma das suas metas para o novo ano que iniciou é abrir uma empresa, o primeiro passo é já saber que fazer isso não é mais considerado um bicho de sete cabeças, devido à evolução da tecnologia e à Lei da Liberdade Econômica, entre outras novas normas que estão facilitando e agilizando esse processo.

Você pode se tornar empreendedor de forma mais prática e segura, mas é recomendável entender alguns fatores antes de tomar essa decisão para evitar possíveis imprevistos, preocupações ou dores de cabeça. 

Neste artigo, vamos falar sobre tudo o que você precisa saber para ficar por dentro dos novos procedimentos e abrir uma empresa no Brasil. Prossiga na leitura e saiba como garantir mais sucesso na sua carreira de empreendedor!

Como abrir uma empresa no Brasil?

Antes de entrar no universo dos negócios, é extremamente válido entender o porquê de legalizar um empreendimento. Apesar de o processo de abertura de empresas menores ser ainda mais simples e rápido, é necessário legalizar a marca e as atividades para reduzir a possibilidade de multas ou prejuízos e garantir alguns benefícios, entre eles:

  • melhorias no relacionamento com parceiros e fornecedores;
  • mais oportunidades facilitadas de acesso a linhas de crédito, pagamentos e empréstimos;
  • contratos com órgãos públicos e participação de licitações;
  • proteção ao patrimônio pessoal.

Depois de estudar mais sobre a legalização de atividades empresariais, há um passo a passo que deve ser seguido para obter melhores resultados a longo prazo. Confira os próximos tópicos!

Solicite a viabilidade para abrir a sua empresa

A primeira etapa é solicitar a viabilidade para a abertura do seu empreendimento, por meio do site da Junta Comercial do estado em que você vai oferecer os seus serviços ou produtos. 

É válido lembrar que esse formato serve apenas para alguns modelos de negócio, mas há outros, tais como Microempreendedores Individuais (MEIs), que podem ser efetivados de forma completamente online, no Portal do Empreendedor.

Emita o Documento Básico de Entrada

Outro passo muito importante é elaborar o DBE (Documento Básico de Entrada), que deve ser preenchido no portal da Receita Federal, utilizando as informações da viabilidade aprovada na Junta Comercial para garantir o CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) do seu negócio.

Elabore o Contrato Social

Também chamado de Ato Constitutivo, o Contrato Social deve ser elaborado com todo o cuidado possível para evitar quaisquer erros nas informações sobre a sua empresa, como: razão social, dados dos sócios, endereço, capital, administradores e atividades. 

Pague as taxas de abertura

Os valores de abertura de uma empresa variam bastante a depender do estado e da cidade em que as atividades vão funcionar. Vale a pena ter a ajuda de um especialista em contabilidade para reduzir os prejuízos e ter mais segurança nesse momento tão importante.

Assine os documentos necessários

Os documentos são essenciais para formalizar a abertura e o funcionamento de uma empresa. Hoje boa parte desse processo existe de forma totalmente digitalizada em muitos estados brasileiros. Então é recomendável analisar como isso funciona no estado de atuação para cumprir de acordo com as normas.

Acompanhe todo o processo

Para garantir que tudo está saindo como o planejado, é preciso monitorar o processo e verificar o andamento de cada solicitação. Qualquer eventualidade deve ser indicada para um especialista em contabilidade, a fim de evitar falhas ou prejuízos financeiros.

Emita inscrições e alvarás

Dependendo dos serviços ou produtos oferecidos pelo seu negócio, deve ser realizada a emissão das inscrições Estadual e/ou Municipal, levando em consideração também a emissão de alvarás e do credenciamento para emitir documentos fiscais, com o objetivo de manter o funcionamento da empresa.

O que fazer depois de abrir a sua empresa?

Após a formalização necessária e abertura do empreendimento, diversos processos continuam para facilitar o desenvolvimento das suas atividades. Portanto, é indicado manter a ajuda de um consultor contador para definir o regime de atuação, fazer planejamentos mais estratégicos, acompanhar os resultados e evitar multas.

Iniciar o processo de abertura de uma empresa pode causar algumas preocupações, mas com a devida orientação tudo pode se tornar mais simples e prático. Esperamos que este artigo tenha ajudado você a se inspirar a dar os primeiros passos no mundo do empreendedorismo.

Siga as nossas redes sociais para ficar de olho em todas as novidades: Instagram e Facebook.

× Como posso te ajudar?